Discussão por óculos escuros provoca briga generalizada entre mil pessoas

Mais de mil pessoas estiveram envolvidas em uma briga na noite da quinta-feira na cidade espanhola de Palma de Mallorca que, segundo fontes policiais, começou em uma simples discussão por causa de óculos escuros.

EFE |

As primeiras investigações indicam que a briga teve origem quando uma mulher de etnia cigana deixou cair seus óculos escuros pela janela do veículo em que transitava e, ao parar para apanhá-los, um homem negro que os tinha pegado no solo se negou a devolvê-los.

Dando sequência a um primeiro enfrentamento verbal entre a mulher, seu acompanhante e motorista do carro e o homem que apanhou os óculos, foi se incorporando à disputa um número indeterminado de pessoas que, com ânimo exaltado, terminaram dando início à uma pancadaria generalizada, com direito à lançamento de objetos como garrafas e tijolos.

A briga durou cerca de duas horas e foram se somando os moradores da zona até a intervenção de duas unidades de Polícia Local assim como unidades da Tropa de Choque do Corpo Nacional de Polícia que tiveram que parar o trânsito e isolar a zona para acabar com a confusão.

Segundo fontes da Polícia Local, três pessoas ficaram feridas por arma branca, várias dezenas acudiram à hospitais com contusões e foram registrados danos à 15 veículos e diversos equipamentos e objetos do mobiliário urbano.

Policiais mantiveram guarda preventiva na zona durante toda a noite para evitar enfrentamentos posteriores e a Polícia Local informou que manterá uma vigilância especial durante o dia todo de hoje.

Leia mais sobre: briga

    Leia tudo sobre: boatesbrigaespanha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG