Dirigente da Irmandade Muçulmana eleito presidente do Parlamento

Um dirigente da Irmandade Muçulmana do Iraque, Iyad al-Samarrai, foi eleito neste domingo presidente do Parlamento, cargo que estava vago desde a renúncia em dezembro de Mahmud al-Machhadani.

AFP |

Samarrai, candidato do Partido Islâmico (sunita), crítico ferrenho do primeiro-ministro Nuri al-Maliki, recebeu 153 votos, contra 34 de Mustafah al-Hiti, da Frente do Diálogo Nacional, e 45 votos em branco.

O vice-presidente do Parlamento, xeque Khaled al-Attiya, celebrou uma eleição com "espírito democrático".

Vice-presidente do Partido Islâmico, Iyad al-Samarrai, nascido em 1946 no reduto sunita de Adhamiya em Bagdá, é engenheiro.

Ele aderiu à Irmandade Muçulmana em 1962. Por causa de suas atividades, no início da década de 80 deixou o Iraque para morar na Jordânia. Também passou pelos Emirados Árabes Unidos e, em 1995, se mudou para a Grã-Bretanha.

Retornou para o Iraque após a invasão americana em 2003.

str/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG