Diretora brasileira é premiada no Festival de Cinema de Locarno

Genebra, 16 ago (EFE).- A diretora brasileira Eva Randolh conquistou o prêmio Leopardos do Amanhã no Festival de Cinema de Locarno, na Suíça, pelo curta-metragem Dez Elefantes.

EFE |

O Leopardo de Ouro ficou para o filme mexicano "Parque Vía", do diretor Enrique Rivero.

O diretor chileno Estebán Larraín recebeu o prêmio "Cineasta do Presente" por "Alícia en el país".

Dos 380 filmes exibidos nos dez dias de festival, 27 foram latino-americanos, já que este ano a seção open doors, dedicada ao descobrimento de outras culturas, esteve voltada para a América Latina.

"A América Latina passa por um momento muito bom, muito favorável. Penso que se vive uma grande liberdade interna para poder expressar o que se sente e se pensa. De certo modo, é inovador que nós, os produtores, possamos contar as histórias de outra maneira, sem autocensuras", contou Enrique Rivero a "Swissinfo". EFE is/rb/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG