Direita vence eleição na Andaluzia sem maioria absoluta

Resultado surpreende. Pesquisas previam vitória com maioria absoluta dos conservadores na região da Espanha

AFP |

O conservador Partido Popular (PP) venceu neste domingo as eleições regionais em Andaluzia, mas não conseguiu maioria absoluta, anunciou a porta-voz do governo regional socialista em fim de mandato, Mar Moreno.

Leia também: Na Andaluzia, uma usina solar funciona até de noite

Com 96,76% dos votos apurados, o PP obteve 50 deputados, a cinco da maioria absoluta, enquanto o Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) obteve 47 deputados e a coalizão Esquerda Unida (IU), conseguiu 12 deputados.

"Portanto, nenhuma força política obteve maioria absoluta, ainda assim o governo quer felicitar o PP por sua vitória", afirmou Moreno, cujo partido governou a Andaluzia desde 1982.

O PP conseguiu ganhar três deputados em relação aos 47 obtidos nas últimas eleições regionais em 2008, mas não foi suficiente para conseguir uma maioria absoluta e um eventual pacto do PSOE e IU poderia inclusive privá-los do governo na região.

Os socialistas perderam nove deputados em relação aos 56 que obtiveram há quatro anos, enquanto a IU foi a grande beneficiada pela perda de votos dos socialistas passando de 6 para 12 deputados no próximo parlamento regional.O resultado foi considerado surpreendente depois que as pesquisas nos últimos dias previam uma maioria absoluta dos conservadores.

    Leia tudo sobre: Andaluziaespanha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG