Direita avança na Holanda

O Partido Pela Liberdade (PVV), do deputado de extrema direita Geert Wilders, obteve nesta quinta-feira 16,9% dos votos nas eleições europeias na Holanda, sendo superado apenas pelo Partido Democrata Cristão, do premier Jan Peter Balkenende (20%), segundo resultados parciais divulgados nesta sexta-feira.

AFP |

Após a apuração de 92,1% dos votos, o PVV, que participa das eleições europeias pela primeira vez, garantia quatro cadeiras no Parlamento Europeu, das 25 em disputa na Holanda.

O partido de Balkenende ficou com cinco cadeiras, duas a menos que em 2004, e seu aliado no governo, o trabalhista PvdA, caiu de sete para três cadeiras, com 12,2% dos votos.

Wilders é contra a entrada da Turquia na União Europeia, denuncia a "islamização catastrófica" da Europa e quer "derrubar do interior" o parlamento de Estrasburgo.

O deputado Wilders, de 45 anos, ocupa o décimo lugar da lista do PVV para o europarlamento, e nunca escondeu sua "ambição" de se tornar "primeiro-ministro" da Holanda.

O nível de participação foi de cerca de 37,6%, próximo do de 2004 (39,1%).

A Holanda votou "não" no referendo da Constituição Europeia em 2005, com mais de 60% dos votos.

Grã-Bretanha e Holanda iniciaram hoje as eleições européias, que prosseguirão até domingo, em 27 países do bloco.

axr/yw/ap/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG