Diplomata iraniano diz que não faz diferença se Obama ou McCain vencerem

Buenos Aires, 26 jul (EFE).- Para o Irã, é indiferente que o futuro presidente dos Estados Unidos seja o republicano John McCain ou o democrata Barack Obama, já que ambos são produtos da cultura americana e põem suas mãos sobre a pistola, disse o máximo representante iraniano na Argentina.

EFE |

Em entrevista publicada hoje pelo jornal argentino "Crítica", o encarregado de negócios de Teerã em Buenos Aires, Moshen Baharvand, afirmou que "nenhum destes dois candidatos merece governar" o país americano.

"Obama é um mentiroso que enganou o povo mostrando-se como opositor a (George) Bush e, desde que ganhou a candidatura, mudou sua posição e fala contra o Irã", declarou.

"E McCain", continuou, "é um velho que, apesar de seus anos, não sabe nada de política internacional".

Baharvand pediu que a comunidade internacional analisem "mais a fundo" as acusações que as principais potências mundiais fazem contra seu país, para que o Irã suspensa seu programa de enriquecimento de urânio.

"O Irã já tem um plano específico e aceitou todos os controles, que asseguram que esse programa nuclear é pacífico. Acontece que o Ocidente quer interrompê-lo por temor de um desequilíbrio no Oriente Médio e porque não quer que um país como o nosso, com idéias novas, se erga", afirmou o diplomata.

Baharvand frisou que o Irã "vai respeitar" seu compromisso de não produzir armas nucleares, mas que não deixará de desenvolver projetos energéticos.

"O petróleo vai terminar em dez ou 15 anos, e, depois desse período, não podemos ter escassez de energia", ressaltou.

O encarregado de negócios disse que o Irã "não tem problemas em negociar com os Estados Unidos", desde que em condições de "igualdade".

"Os Estados Unidos têm que diminuir seu nível de soberba em relação a nosso país. Se aceitarem isso, não teremos problemas em negociar", declarou Baharvand, antes de considerar amigos políticos os Governos da Venezuela e da Bolívia. EFE cw/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG