Dia mais violento no México em 2009 tem 39 mortos

Pelo menos 39 pessoas foram mortas nas últimas horas, no dia mais violento de 2009, no México, sendo 21 delas em dois confrontos sucessivos entre pistoleiros e militares no estado de Chihuahua (norte, na fronteira com os EUA), anunciaram as autoridades locais, nesta terça-feira.

AFP |

Os choques que deixaram 21 mortos, incluindo um militar, aconteceram no município de Villa Ahumada (a 130 km de Ciudad Juárez), onde um comando armado matou seis das nove pessoas que havia seqüestrado, ao se ver perseguido por soldados.

Após o massacre, o grupo de criminosos se dividiu, e uma parte enfrentou "o Exército, morrendo sete bandidos e um militar", declarou o porta-voz da operação, Enrique Torres Valadez.

Pouco depois, soldados alcançaram o segundo grupo, mataram sete criminosos e libertaram outros três reféns, confirmou Torres Valadez.

Em outros episódios da guerra que acontece em Chihuahua entre dois cartéis de drogas pelo controle dos mercados, dez pessoas foram executadas.

gbv/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG