Dez estudantes neozelandeses podem estar com gripe suína

Dez estudantes neozelandeses com sintomas de gripe após uma viagem de três semanas ao México provavelmente estão com gripe suína, declarou neste domingo o ministro neozelandês da Saúde, Tony Ryall.

AFP |

"Responsáveis do ministério da Saúde me avisaram que não têm certeza de que estes estudantes tenham gripe suína, mas que consideram esta hipótese provável", declarou o ministro.

Ryall indicou que os exames mostraram que os dez estudantes passaram por testes que acusaram positivo para "influência A", uma variante da gripe suína.

Os resultados foram enviados à Organização Mundial da Saúde (OMS) em Melbourne (Austrália) para verificar a presença ou não do vírus da gripe suína H1N1, acrescentou.

"Nenhum dos estudantes está em estado considerado grave e a maioria está se recuperando", indicou.

Os 10 estudantes faziam parte de um grupo de 3 professores e 22 alunos do instituto de Rangitoto, em Auckland (norte), que foi colocado em quarentena quando voltou sábado de uma viagem de três semanas ao México.

O diretor do instituto, David Hodge, disse que os estudantes, de entre 15 e 18 anos, passaram a maioria parte da viagem na Cidade do México, para estudar espanhol.

O grupo fez escala em Los Angeles na volta.

O novo vírus da gripe suína matou pelo menos 20 pessoas no México. a OMS alertou sábado para a possibilidade desta nova variante do vírus causar uma pandemia. Os Estados Unidos, outro país afetado pela gripe suína, advertiu que o vírus não pode ser contido.

    Leia tudo sobre: gripe suína

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG