Detidos supostos membros da Al Qaeda que trabalhavam em Ministério no Iraque

Bagdá, 8 jul (EFE).- Três supostos membros da Al Qaeda que trabalhavam no Ministério de Tecnologia e Ciência iraquiano foram detidos em Bagdá, anunciou hoje o comando militar americano.

EFE |

Segundo um comunicado do Exército dos EUA, as detenções, no domingo passado, aconteceram depois que o Ministério do Interior iraquiano emitisse ordens de busca e captura de três funcionários do Governo.

Os três são acusados de perpetrar assassinatos, ataques com artefatos explosivos e com bombas, e de intimidar os moradores dos bairros de Rashid e Karrada, na capital iraquiana.

Segundo a nota, dois dos supostos criminosos detidos são irmãos e são acusados de matar quatro civis iraquianos em um ataque com bombas.

Além disso, acredita-se que um dos irmãos financiava o grupo da Al Qaeda no Iraque.

Até o momento, o Ministério do Interior iraquiano não se pronunciou sobre as detenções. EFE am/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG