Johanesburgo, 23 dez (EFE).- A Polícia sul-africana deteve três menores, de 5, 6 e 7 anos, suspeitos de terem abusado sexualmente de uma menina de 3, informou hoje a agência sul-africana Sapa.

O porta-voz da Polícia da província de Cabo Oriental, Jackson Manatha, afirmou que a mãe do bebê deixou-o com vizinhos para poder ir a um enterro no domingo. Quando voltou, a mulher foi informada do ocorrido.

Segundo Manatha, os três menores suspeitos de envolvimento no caso foram detidos e posteriormente entregues aos pais.

Os abusos sexuais contra menores são muita frequentes na África do Sul. De acordo com a organização Médicos Sem Fronteiras (MSF), mais de 60% das agressões sexuais contra menores acontecem dentro de casa e são cometidas por pessoas que deveriam proteger suas vítimas, como pais, tios ou vizinhos.

Na África do Sul, país que tem uma das mais altas taxas de criminalidade do mundo, acontecem cerca de 500.000 violações ao ano, das quais pouco mais 50.000 são denunciadas. Do total destes casos, apenas 35% chegam aos tribunais, segundo a MSF. EFE hc/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.