Detido segundo principal envolvido em desmoronamento de mina na China

Pequim, 22 set (EFE).- A Polícia chinesa deteve um dos capatazes considerado o segundo envolvido no caso da mina de ferro clandestina da província de Shanxi, cujo desabamento provocou a morte de 265 pessoas, informou hoje a agência oficial, Xinhua.

EFE |

Após a detenção do dono da mina, Zhang Peiliang, a Polícia procurava um dos capatazes, Zheng Jiabao, de 46 anos, que fugiu com a esposa após o desabamento e foi detido ontem em um hotel da localidade de Shanyang.

O incidente aconteceu em 8 de setembro no poço Tashan, situado na localidade de Linfen, quando 268.000 metros cúbicos de resíduos e pedras acumuladas em um tanque desabaram devido à chuva, devastando um povoado próximo, um edifício de escritórios e um movimentado mercado ao ar livre. EFE tp/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG