Detido capitão da embarcação que naufragou em lago macedônio

Skopje, 6 set (EFE).- O capitão da embarcação que naufragou no sábado no lago de Ohrid, no sudoeste da Macedônia, onde 15 turistas búlgaros morreram afogados, foi detido hoje, comunicou a Polícia macedônia.

EFE |

As autoridades declararam hoje dia de luto nacional por causa desta tragédia.

O ministro adjunto do Interior da Macedônia, Ivo Kotevski, disse à Agência Efe que a Justiça apresentou uma acusação contra o capitão da embarcação, que transportava 56 passageiros quando naufragou no lago.

O tribunal ditou ontem à noite uma ordem de uma detenção de 30 dias contra Sotir Fileski, a quem a Polícia acusou de cometer um delito grave contra a segurança de pessoas em um meio de transporte, explicou Kotevski.

Os turistas búlgaros que sobreviveram à tragédia retornaram ontem mesmo a seu país em um avião especial fretado pelo Governo da Bulgária.

A embarcação turística afundou a cerca de 200 metros da margem leste do lago com 56 pessoas a bordo, das quais 15 morreram e os outros puderam ser resgatados.

A Polícia informou que o acidente aconteceu pela "ruptura de um cabo no mecanismo de direção da embarcação, por isso virou de repente para a direita e naufragou". EFE ib-vb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG