Detento mata mulher diante da filha em prisão argentina

Buenos Aires, 16 dez (EFE).- Um preso assassinou sua mulher diante da filha de apenas 45 dias de vida no banheiro de uma penitenciária na Argentina, onde cumpre pena de 20 anos por roubo e sequestro, informou hoje o centro de detenção.

EFE |

Segundo o Serviço Penitenciário Federal (SPF), o homem matou a mulher no banheiro da sala de visitas da prisão de Marcos Paz, nos arredores de Buenos Aires.

O detento, de 31 anos, confessou ter matado Paola Ayala, de 23, porque ela teria usado a criança para entrar com drogas em outra penitenciária. EFE ms/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG