Detenção de Karadzic mostra objetivo de entrar na UE, diz Sérvia

Bruxelas, 22 jul (EFE).- O ministro de Exteriores da Sérvia, Vuk Jeremic, afirmou hoje que a detenção de Radovan Karadzic demonstra a importância que Belgrado dá a uma futura entrada na União Européia (UE).

EFE |

"Somos muito sérios sobre nosso futuro na UE, e demonstramos isso ontem", afirmou Jeremic antes de se juntar ao Conselho de Ministros de Exteriores comunitários, no qual discursará hoje.

O ministro sérvio destacou também o compromisso de seu país com a paz e a justiça internacional, "tanto no que se refere à cooperação com o TPII como no que tem a ver com nossa soberania sobre o Kosovo".

"Queremos ser uma pedra angular para a paz, queremos trabalhar pela estabilidade regional", acrescentou Jeremic.

O Conselho de Ministros comunitários de hoje repassará as relações da UE com a Sérvia, em função da detenção de Karadzic.

UE e Sérvia assinaram em abril um acordo de estabilização e associação, considerado como a ante-sala da adesão ao bloco, mas sua aplicação ficou congelada até que Belgrado cooperasse plenamente com o Tribunal Penal Internacional para a Antiga Iugoslávia (TPII). EFE met/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG