Detector de batimento cardíaco é arma para combater ilegais na Grã-Bretanha

Um leitor capaz de medir a quantidade de dióxido de carbono emitida com a respiração e um microfone que capta batimentos cardíacos estão entre os novos equipamentos de alta tecnologia que estão sendo empregados pela Grã-Bretanha para combater a imigração ilegal. Agentes de imigração baseados na entrada no Eurotúnel, que liga a França à Grã-Bretanha sob o Canal da Mancha, afirmam que as novas tecnologias impedem a entrada de cerca de 100 imigrantes ilegais no país todos os meses.

BBC Brasil |

"Diante da enorme quantidade de caminhões que passam pelo túnel não podemos inspecionar todos eles", disse Ivan Macey, controlador da operação, explicando que os novos equipamentos permitem que os funcionários investiguem apenas os veículos suspeitos.

Entre os equipamentos mais usados está um detector capaz de medir a quantidade de dióxido de carbono emitida com a respiração. Um alto nível do gás é uma sugestão de que possa haver pessoas escondidas na carroceria de um caminhão, por exemplo.

Ainda para detectar ilegais escondidos, os agentes também contam com um microfone de alta tecnologia que capta batimentos cardíacos.

Rachel Bramley é uma das agentes responsáveis pelas buscas nos veículos.

"É satisfatório quando conseguimos pegar (os imigrantes ilegais), mas ao mesmo tempo dá pena, principalmente quando há crianças envolvidas", disse Bramley.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG