Detectado sexto caso do vírus Ebola-Reston em humanos

Manila, 24 fev (EFE).- Um granjeiro que trabalhava com porcos infectados com o vírus Ebola-Reston ao norte de Manila teve resultado positivo no teste da doença, que não é mortal em humanos, informou o Ministério da Saúde das Filipinas.

EFE |

O trabalhador, que é sexto humano a ter o vírus detectado no mundo todo, não esteve em contato direto com o gado, segundo o Ministério.

Há quase um mês, outros quatro granjeiros que tratavam com porcos no norte das Filipinas tiveram o vírus detectado.

Seis mil porcos foram sacrificados para espalhar o vírus, que as autoridades médicas monitoram para evitar que ele se torne mortal aos humanos. EFE mgs/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG