Destaque do Grand Prix, Mari diz ter esquecido fracasso em Atenas

Redação Central, 13 jul (EFE) - A ponta Mari, eleita melhor jogadora do Grand Prix de vôlei feminino, disse ter superado o fracasso da seleção brasileira nos Jogos Olímpicos de Atenas, em 2004. Naquela oportunidade, o Brasil teve seis match points na semifinal contra a Rússia, mas acabou perdendo a partida e a vaga para a final. Mari cometeu muitos erros e acabou sendo o símbolo da derrota.

EFE |

A jogadora disse que a decepção de 2004 foi superada e que espera ir bem nos Jogos de Pequim, em agosto.

"Vou tentar fazer o melhor. Não penso mais nos Jogos de 2004", garantiu Mari, para quem "a concentração da equipe foi fundamental no Grand Prix, e agora o objetivo é mantê-la em Pequim".

A seleção brasileira conquistou neste fim de semana seu sétimo título do Grand Prix de vôlei feminino e encerrou sua participação no torneio com uma vitória hoje sobre o Japão.

Em relação ao prêmio de melhor jogadora da competição, o técnico José Roberto Guimarães destacou a mudança de posição da atleta.

"A Mari está nessa função há pouco tempo. Pensei que seria interessante uma jogadora da altura dela nessa posição, já que ela bloqueia e tem um bom passe", disse. EFE plc/rd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG