ajudou a libertar um refém recebeu a promessa de uma recompensa do governo de quase US$ 500 mil e uma nova vida na França. O rebelde, conhecido apenas pelo codinome Isaza, passou 10 anos com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc)." / ajudou a libertar um refém recebeu a promessa de uma recompensa do governo de quase US$ 500 mil e uma nova vida na França. O rebelde, conhecido apenas pelo codinome Isaza, passou 10 anos com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc)." /

Desertor das Farc que soltou refém receberá US$ 500 mil

O guerrilheiro colombiano que http://ultimosegundo.ig.com.br/bbc/2008/10/26/politico_refem_das_farc_e_libertado_na_colombia_2071059.htmlajudou a libertar um refém recebeu a promessa de uma recompensa do governo de quase US$ 500 mil e uma nova vida na França. O rebelde, conhecido apenas pelo codinome Isaza, passou 10 anos com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

BBC Brasil |


No domingo, ele ajudou o ex-parlamentar Oscar Túlio Lizcano a ser liberado, após oito anos em cativeiro.

A recompensa e a promessa de uma nova vida na França a "Isaza" ainda não foi concretizada. Segundo o governo, algumas barreiras legais ainda precisam ser superadas para que se possa cumprir a promessa.


Óscar Tulio Lizcano (centro), ex-refém das Farc resgatado / AP

O procurador geral da Colômbia, Mario Iguaran, disse que o país precisa de novas legislações para facilitar futuras deserções de guerrilheiros.

As Farc ainda têm mais de 20 reféns. O grupo quer trocar os reféns por centenas de guerrilheiros presos.

As deserções são um dos principais problemas das Farc atualmente. Neste ano, cerca de 1,5 mil rebeldes deixaram a guerrilha.

Leia mais sobre: Farc

    Leia tudo sobre: farc

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG