Desemprego sobe para 8% na Eurozona, seu nível mais alto em dois anos

O desemprego na Eurozona alcançou 8% em dezembro, seu nível mais elevado em mais de dois anos, em meio a uma recessão que multiplica os planos de supressão de empregos, segundo dados publicados nesta sexta-feira pelo birô europeu de estatísticas Eurostat.

AFP |

É necessário remontar a 2006 para encontrar um índice de desemprego de 8% na zona compartilhada atualmente por 16 países da União Europeia (UE).

Em novembro, o desemprego da zona euro foi de 7,9%, segundo cifras revisadas do Eurostat.

Entre as principais economias do espaço da moeda única, a Espanha viu um forte aumento do índice, de 13,7% em novembro a 14,4% em dezembro.

Na Alemanha, o desemprego subiu para 7,2%, depois do 7,1% registrados em novembro.

slb/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG