Deputados sul-coreanos tomam Parlamento para impedir votação

Seul, 26 dez (EFE).- Deputados da oposição sul-coreana tomaram hoje a sala onde eram realizadas as sessões plenárias do Parlamento nacional para impedir a aprovação pelo partido governamental de uma reforma da lei sobre a imprensa.

EFE |

Segundo a agência local "Yonhap", 54 deputados do Partido Democrático (PD) tomaram a sala do Parlamento para impedir que o governamental Grande Partido Nacional (GPN), que conta com uma grande maioria de 172 cadeiras, aprovasse unilateralmente várias emendas de reforma antes do fim do ano.

Os deputados do PD bloquearam as entradas para que os deputados governamentais não pudessem entrar na sala.

A reforma da lei de imprensa permitiria aos principais diários e grupos empresariais sul-coreanos possuir canais de televisão.

O sindicato da televisão sul-coreana convocou para hoje uma greve indefinida contra a reforma desta lei, embora a programação das emissoras locais seja transmitida por enquanto sem alterações. EFE ce/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG