Deputados jordanianos pedem revogação do tratado de paz com Israel

Amã, 1 jun (EFE).- Dez deputados jordanianos governistas apresentaram um projeto de lei para pedir a revogação do tratado de paz com Israel assinado em 1994, informaram hoje fontes parlamentares do país árabe.

EFE |

Esta proposta é o "ponto alto" de uma série de reações que começaram na semana passada, quando se discutia no Parlamento israelense uma proposta alternativa à criação de um Estado palestino.

Essa iniciativa, com o título de "dois Estados para dois povos nos dois lados do Rio Jordão", foi levada ao Knesset (Parlamento israelense) no mês passado pelo deputado ultradireitista Arieh Eldad, do partido União Nacional, e pedia que o Estado palestino fosse formado na Jordânia.

"A proposta israelense viola o artigo IV do tratado de paz que obriga os signatários a respeitar a soberania, independência e integridade territorial do outro", segundo o preâmbulo do projeto de lei apresentado hoje.

A proposta israelense é contra a solução que inclui a criação de um Estado palestino que coexista pacificamente com o israelense, solução que conta com o apoio da maioria dos países árabes e das potências ocidentais.

Os legisladores jordanianos pediram que seja dado urgência ao trâmite de seu projeto de lei, mas fontes parlamentares duvidam que isso seja possível, já que a Câmara baixa jordaniana está a ponto de entrar em seu período de férias. EFE ajm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG