Deputado sul-coreano se desculpa por acariciar bochecha de jornalista

Seul, 3 abr (EFE).- O presidente da Associação de Futebol da Coréia do Sul (KFA, na sigla em inglês), o deputado Chung Mong-joon, se desculpou hoje por ter acariciado a bochecha de uma jornalista em público em plena campanha para as próximas eleições legislativas na Coréia do Sul.

EFE |

Segundo a imprensa sul-coreana, Chung, de 56 anos e acionista majoritário da Hyundai Heavy Industries, tocou nesta quarta-feira a bochecha de uma jornalista da emissora de televisão "MBC" em público quando ela fazia um pergunta sobre seu programa eleitoral.

A jornalista protestou taxativamente e disse que se tratava de assédio sexual.

O parlamentar saiu do local da entrevista sem se desculpar, segundo a imprensa local, mas depois Chung afirmou que foi um ato não premeditado por causa da multidão.

Em entrevista coletiva hoje, o deputado pediu perdão à jornalista por tê-la insultado, desculpas que foram aceitas pela profissional.

Chung também disse ter pedido desculpas aos demais membros da "MBC". EFE ce/wr/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG