Depressão tropical vira tempestade e ameaça Carolina do Norte e do Sul

WASHINGTON - A terceira depressão tropical da atual temporada de furacões do Atlântico, que tinha se formado na costa leste dos Estados Unidos, em frente à Carolina do Norte e à Carolina do Sul, se transformou na tempestade tropical Cristóbal.

EFE |

O Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC, em inglês), com sede em Miami, informou hoje, em seu boletim das 15h (de Brasília), que continua vigente o alerta de tempestade tropical emitido anteriormente para a região que vai de Santee River, na Carolina do Sul, até à divisa da Carolina do Norte com o estado da Virgínia.

O NHC explicou que o olho da tempestade tropical "Cristóbal" está agora cerca de 160 quilômetros a leste de Charleston (Carolina do Sul) e 365 quilômetros a sudoeste do Cabo Hatteras (Carolina do Norte).

A tempestade se movimenta para nordeste, a aproximadamente 11,3 km/h e, segundo as previsões, deve se manter nesta trajetória nos próximos dias.

Caso "Cristóbal" mantenha seu curso, seu centro se movimentará ao longo das costas da Carolina do Sul e da Carolina do Norte durante hoje e amanhã.

A tempestade tropical registrava ventos máximos constantes de 65 km/h, mas, de acordo com o NHC, deverá ganhar mais força nos próximos dias, o que causará chuvas mais ou menos intensas sobre a Carolina do Norte e a Carolina do Sul.

Esta é a primeira tempestade que ameaça as costas americanas nesta temporada de furacões, que termina em 30 de novembro.

    Leia tudo sobre: tempestade

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG