Publicidade
Publicidade - Super banner
Mundo
enhanced by Google
 

Deposição de cinzas vulcânicas pode poluir a água na Islândia

A deposição de cinzas vulcânicas em algumas regiões da Islândia pode comprometer a segurança da água potável, alertaram autoridades sanitárias esta sexta-feira, destacando que as criações de animais correm o maior risco.

AFP |

"É importante prevenir a queda de cinzas nos estoques de água, por razões de saúde tanto das pessoas quanto dos animais e para a produção segura de leite", declarou à AFP Halldor Runolfsson, funcionário da Autoridade Islandesa de Veterinária e Alimentação.

Seu colega, Guthjon Gunnarsson, disse que a agência está avaliando a qualidade da água potável, cuja maior parte estaria protegida por se encontrar em depósitos subterrâneos.

"Aqui na Islândia a água (potável) é, na maior parte, subterrânea, portanto é difícil que as cinzas a contaminem pesadamente", declarou.

No entanto, Runolfsson disse que a erupção - que encobriu grandes áreas com uma fina camada de cinzas vulcânicas - traz grande risco para os animais porque as cinzas contêm altos níveis de fluoreto.

"Os fazendeiros foram alertados para manter seus animais abrigados", afirmou. "Sabe-se que a ingestão de fluoreto pode causar problemas nos dentes e nos ossos, especialmente nos animais em crescimento. As cinzas também podem causar problemas nos sistemas respiratório e digestivo (destes animais)", acrescentou.

"A princípio nós estamos analisando a quantidade de fluoreto", disse Gunnarsson. A concentração desta substância perto do vulcão foi de 23 a 35 miligramas por quilograma de cinzas.

A segunda erupção vulcânica da Islândia em menos de um mês começou debaixo da geleira Eyjafjallajokull, no sul do país, por volta da 1h00 local de quarta-feira (22h00 de terça, horário de Brasília).

Desde então, o vulcão tem liberado continuamente uma pluma de cinzas de 6 quilômetros no céu, espalhando uma gigantesca nuvem sobre a Europa, que provocou a maior interrupção de tráfego aéreo no velho continente desde a Segunda Guerra Mundial.

Leia mais sobre: erupções vulcânicas

Leia tudo sobre: vulcões

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG