LA PAZ - O presidente da França, Nicolas Sarkozy, visitará a Bolívia em setembro para a fundação de uma escola de administração pública, confirmou neste sábado o presidente boliviano, Evo Morales.

"No próximo mês, fui informado de que o presidente da França visitará o Brasil, e do Brasil partirá para visitar Cochabamba, para que, de maneira conjunta, o governo da Bolívia e o governo da França criem uma escola de administração para gestão de Estado plurinacional", declarou Morales.

Sarkozy tem uma visita programada para o Brasil, onde deve chegar no dia 7 de setembro, anunciou em fevereiro em Paris uma fonte da presidência, que também informou sobre a ida do governante ao país andino.

Morales confirmou a visita de Sarkozy durante a assinatura, ao lado de Luiz Inácio Lula da Silva, de uma série de acordos de cooperação bilateral neste sábado em Villa Tunari, no coração da região cocaleira do país.

O apoio francês para a criação de uma escola de administração pública também foi prometido em fevereiro, quando Evo Morales foi a Paris. A escola, que formará e treinará funcionários públicos bolivianos, será instalada na cidade de Cochabamba, centro da Bolívia.

Leia mais sobre: Bolívia

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.