Departamento de Estado dos EUA elogia mudanças em Cuba

O secretário de Estado adjunto para a América Latina do Departamento de Estado dos EUA, Tom Shannon, elogiou nesta quarta-feira as mudanças promovidas pelo governo do novo presidente cubano, Raúl Castro. Segundo ele, os Estados Unidos acreditam que as mudanças políticas em direção à democracia em Cuba serão desencadeadas dentro do país.

AFP |

As mudanças até agora:


"Cuba é uma sociedade fechada e qualquer abertura é uma coisa boa", comentou. No entanto, Shannon disse que o importante seria se o regime cubano iniciasse "um diálogo com seu próprio povo".

"Será um processo interno, não será um processo externo", explicou Shannon em uma sessão de perguntas e respostas após um discurso em um auditório de diplomatas, acadêmicos e jornalistas no Conselho das Américas, em Nova York.

Shannon adiantou que a política de Washington consistirá em preparar o ambiente propício para que essa mudança ocorra. "O que podemos fazer, e o que outros podem fazer, é criar o tipo de contexto apropriado", disse o alto funcionário.

O encarregado das relações diplomáticas com a América Latina do Departamento de Estado pediu que Havana inicie esse diálogo por meio da libertação de todos os presos políticos detidos na ilha.

Leia mais sobre: Cuba

    Leia tudo sobre: cuba

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG