Denzel Washington e Woody Harrelson apóiam Wesley Snipes em julgamento

Los Angeles (EUA), 23 abr (EFE) - Faltando um dia para o anúncio da sentença do caso do ator Wesley Snipes, considerado culpado de três acusações menores por não declarar impostos, estrelas de Hollywood como Denzel Washington ou Woody Harrelson mostraram hoje seu apoio ao astro. Em fevereiro, Snipes foi julgado em um tribunal de Ocala, ao noroeste de Orlando (Flórida), por não declarar impostos entre 1999 e 2004, e pode ser condenado a até três anos de prisão pelas três acusações de evasão fiscal. O ator, de 45 anos, protagonista da trilogia Blade, recebeu nas últimas horas o apoio de companheiros da indústria como Denzel e Harrelson, entre as 31 pessoas que prestaram depoimento a seu favor em documentos que foram entregues ao juiz William Terrell. Wesley é como uma árvore...

EFE |

como um grande carvalho. Muitos dos que o conhecemos fomos testemunhas dos frutos de seu trabalho, nos sentamos à sua sombra e nos protegemos com sua presença", escreveu Denzel, ganhador de dois Oscar por "Tempo de Glória" e "Dia de Treinamento".

"Wes passou tempo discutindo e dissecando o problema do racismo", disse Harrelson, com quem Snipes trabalhou em vários filmes. "Luta pela justiça em todas as suas relações e rapidamente percebi que Wes era um cidadão do mundo".

O próprio Snipes acredita que não deve passar um dia na prisão e afirma que liberdade mediante pagamento de fiança é "castigo justo", segundo documentos judiciais entregues hoje na Corte Federal de Ocala.

Seus advogados afirmaram que o ator "promete não voltar a violar a lei" e "pede respeitosamente à Corte que considere um veredicto do júri e leve em conta todo o bem" que fez em sua vida.

O ator conhecerá amanhã a sentença no início da manhã. EFE mg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG