matança em Gaza - Mundo - iG" /

Delegada palestina na UE pede fim da matança em Gaza

A delegada palestina na União Européia (UE), Leila Chahid, afirmou nesta terça-feira que é preciso acabar com a matança em Gaza, ao chamar de crime de guerra a ofensiva israelense que já provocou mais de 560 mortes.

AFP |

"Está acontecendo uma matança em Gaza, um crime de guerra com famílias inteiras mortas. Ontem famílias inteiras foram exterminadas", denunciou.

"Olhem para a realidade. Há mais de 500 mortos do lado palestino e quatro mortos do lado israelense", acrescentou em declarações à rádio Montecarlo.

"Acredito que a urgência é dar um fim a esta matança o mais rapidamente possível, exigindo um cessar-fogo que, infelizmente, Israel rejeitou ontem ao presidente Nicolas Sarkozy e à delegação européia".

Apesar das pressões internacionais, o primeiro-ministro israelense Ehud Olmert rejeitou um cessar-fogo sem a garantia do fim dos disparos de foguetes do Hamas.

Para a delegada palestina, "o mundo é cúmplice por seu silêncio".

ib/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG