Defesa de Fujimori diz que tentará anular sentença de prisão

LIMA (Reuters) - A defesa de Alberto Fujimori rechaçou neste domingo a decisão da Justiça peruana que ratificou a sentença de 25 anos de prisão ao ex-mandatário por violação dos direitos humanos. Seus advogados prometeram seguir lutando para anular a decisão.

Reuters |

Na madrugada de domingo, a Justiça do país andino confirmou por unanimidade a condenação pela morte de 25 pessoas durante uma guerra entre militares e guerrilheiros de esquerda na década de 1990.

Fujimori havia dito que moveria um recurso de anulação da sentença, enquanto sua filha Keiko Fujimori--que figura no segundo lugar nas pesquisas de opinião para a eleição presidencial de 2011--disse que concederia o perdão do Estado ao pai caso vença a disputa.

Alberto Fujimori permanece recluso em uma base policial situada em um bairro pobre de Lima.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG