De Hoop Scheffer reconhece que ampliação da Otan é uma polêmica com Moscou

Bucareste, 4 abr (EFE).- O secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), Jaap de Hoop Scheffer, reconheceu que as futuras ampliações da Aliança para o Leste Europeu são uma polêmica nas relações com Moscou, mas negou que o Conselho Otan-Rússia de hoje haja um confronto.

EFE |

Em entrevista coletiva, após a sessão em Bucareste, o secretário-geral disse que o espírito do encontro foi positivo e que aconteceu uma discussão "honesta e aberta, na qual não foram escondidos pontos de visita".

A reunião de hoje, que fechou a cúpula de líderes da Aliança, teve a participação pela última vez dos dois fundadores deste Conselho Otan-Rússia, o presidente em fim de mandato da Rússia, Vladimir Putin, e o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush.

EFE jk/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG