Datas variam de um país para outro sobre início da 2ª Guerra Mundial

GDANSK - Os alemães e os poloneses não têm dúvida: a 2ª Guerra Mundial começou com os primeiros tiros de canhões disparados pelo encouraçado alemão Schleswig-Holstein contra a base polonesa de Westerplatte, perto de Gdansk, em 1º de setembro de 1939.

AFP |

Mas a França e a Grã-Bretanha, aliadas da Polônia, declararam oficialmente a guerra à Alemanha apenas em 3 de setembro. Foi em abril e maio de 1940 que a Alemanha invadiu a Europa do norte e do oeste, ocupando a metade da França.

A "batalha da Inglaterra" começou em julho de 1940, com os ataques aéreos em massa da Luftwaffe aos quais as forças aéreas britânicas deram uma resposta eficaz.

A União Soviética invadiu em 17 de setembro de 1939, sem encontrar resistência, as regiões do leste da Polônia em virtude do pacto Ribbentrop-Molotov, ela enfrentou a Finlândia no fim de 1939 e ocupou em 1940 os países bálticos, Lituânia, Letônia e Estônia.

Mas para Moscou, a "Grande Guerra patriótica" começou apenas com o ataque da Alemanha nazista contra a URSS, em 22 de junho de 1941.

Os Estados Unidos entraram no conflito mundial com a destruição, em 7 de dezembro de 1941, em Pearl Harbor, de toda sua frota pelo Japão, aliado de Adolf Hitler.

Duas datas diferentes foram também marcam o fim do conflito na Europa. Os aliados ocidentais comemoraram a capitulação da Alemanha nazista após a tomada de Berlim, em 8 de maio de 1945. Mas para Moscou, a assinatura do ato de capitulação aconteceu apenas em 9 de maio.

Enfim, os combates americano-japoneses duraram ainda mais de três meses, até a capitulação do Japão em 2 de setembro de 1945, após o bombardeio atômico das cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki.

Leia mais sobre 2ª Guerra Mundial

    Leia tudo sobre: 2ª guerra mundial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG