Darling diz que plano de gastos é chave para eleição britânica

LONDRES (Reuters) - O ministro das Finanças britânico, Alistair Darling, disse neste domingo que todos os partidos políticos precisam antes da eleição geral especificar a base dos seus projetos de gastos e investimentos. Quando o assunto é o relatório pré-Orçamento, o Orçamento do ano que vem e as eleições, as pessoas vão querer saber, de todos os partidos políticos (...) como vamos ficar, afirmou ele à BBC.

Reuters |

O ministro declarou que os orçamentos não poderão ser montados em detalhe para os próximos anos até 2013 devido ao momento atual de incertezas, mas que prioridades terão que ser definidas.

Quando perguntado se os eleitores terão pelo menos o "esqueleto" do plano de gastos dos Trabalhistas, para lhes permitir tomar uma decisão, Darling disse: "É preciso determinar essas prioridades."

"A próxima eleição pode definir um governo até 2015. Ele vai precisar de um mandato para as coisas difíceis que terá de fazer, assim como para as coisas que quer para melhorar o país", disse ele.

A próxima eleição geral tem que ser realizada antes de junho do ano que vem.

Darling também reiterou que acredita que a economia vai retornar ao crescimento na virada do ano, como um crescimento modesto no ano que vem.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG