Darfur: funcionários de ONG sequestrados são francês e canadense

Os dois trabalhadores da ONG Ajuda Médica Internacional (Ami) sequestrados este fim de semana em Darfur são de nacionalidade francesa e canadense, indicou na noite de domingo à AFP Ali Youssif, responsável do protocolo no ministério sudanês dos Assuntos estrangeiros.

AFP |

Os dois membros da equipe expatriados da ONG francesa foram sequestrados na madrugada de sábado para domingo em Darfur-Sul, por homens armados não identificados, anunciou mais cedo a Ami, sem revelar na ocasião a nacionalidade dos reféns.

Segundo o Centro sudanês de imprensa, os sequestradores teriam pedido um resgate, mas esta informação não foi confirmada por Youssif.

gl/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG