Dalai Lama inicia visita à França

Paris, 11 ago (EFE).- O Dalai Lama chegou esta manhã a Paris para uma visita de 12 dias na qual quase não manterá contatos com as autoridades políticas e se centrará em dar conferências e visitar pagodes.

EFE |

O chefe temporal e religioso do budismo tibetano e Prêmio Nobel da Paz não será recebido pelo presidente francês, Nicolas Sarkozy, oficialmente porque "não o solicitou", segundo fontes do Palácio do Eliseu.

Sua visita, altamente simbólica em plena realização dos Jogos Olímpicos de Pequim, removeu a polêmica na França em torno das difíceis relações com a República Popular da China.

A oposição socialista acusa Sarkozy de ceder aos ditados do regime de Pequim por ter participado finalmente na cerimônia de inauguração dos Jogos na sexta-feira passada e ter forçado o sob perfil político da visita do Dalai Lama.

O representante do líder budista na França, Wangpo Bashi, disse, no entanto, que uma reunião entre o Dalai Lama e o chefe de Governo francês acontecerá ao longo do ano.

Segundo o representante do monge de 73 anos, sua visita à França será de caráter "espiritual" porque ele mesmo o quis assim e lembrou que estava prevista há longo tempo. EFE jms-jaf/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG