verdadeira autonomia para o Tibete - Mundo - iG" /

Dalai lama chega à Alemanha e pede verdadeira autonomia para o Tibete

Berlim, 15 mai (EFE).- O dalai lama chegou hoje a Frankfurt, na primeira parada de uma viagem de cinco dias por várias cidades alemãs, onde reivindicou uma verdadeira autonomia do Tibete dentro da China.

EFE |

O líder tibetano, que se reuniu com o chefe do Governo regional de Hesse, o democrata-cristão Roland Koch, disse que o Tibete não pretende ser independente da China, e afirmou que as negociações com as autoridades chinesas precisam de uma confiança, que, por enquanto, não há.

O dalai lama lamentou as vítimas do terremoto que deixou pelo menos 15 mil mortos na China e pediu para "rezar por eles".

Koch afirmou, após o encontro, que a situação do Tibete e do dalai lama é atualmente "muito difícil", e defendeu que se respeitem os direitos culturais e religiosos dos tibetanos.

Na sua opinião, os Jogos Olímpicos de Pequim são uma boa oportunidade para que China "se abra".

Em sua passagem por Berlim, prevista para segunda-feira, o dalai lama se reunirá com a ministra de Cooperação Econômica e Ajuda ao Desenvolvimento alemã, Heidemarie Wieczorek-Zeul, que o receberá em nome do Governo.

O encontro foi anunciado ontem pelo vice-porta-voz do Executivo federal, Thomas Steg, depois da polêmica gerada após saber que o ministro de Exteriores alemão, Frank-Walter Steinmeier, não se reunirá com ele.

Meios de comunicação, políticos e associações tinham acusado o Governo alemão de se submeter à pressão da China, o que Steg rejeitou e aludiu, no entanto, a "problemas de agenda" para a concretização de uma reunião. EFE nvm/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG