Roma, 8 jun (EFE).- O partido Povo da Liberdade (PDL) do primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, ganhou as eleições europeias italianas com 35,2% dos votos, segundo confirmaram os dados oficiais com mais de 99% dos votos apurados.

Berlusconi obteve três pontos mais que nas europeias realizadas em 2004, mas dois pontos menos que nas últimas eleições gerais, em eleições que se encerraram com uma participação de 67%.

Na Itália a abstenção foi sensivelmente menor que em outros países europeus, mas a participação foi a mais baixa das eleições europeias em 30 anos.

O principal partido da oposição, o esquerdista Partido Democrata (PD), obteve 26,2% dos votos, cinco pontos menos que nas anteriores europeias.

Por sua parte, o partido aliado de Berlusconi no Governo, a Liga Norte de Umberto Bossi, obteve 10,2% dos votos e se tornou na terceira força mais votada.

O esquerdista Itália dos Valores (IdV) do ex-promotor Antonio Di Pietro dobrou o apoio que obteve em 2004 e chegou a 8% dos votos.

EFE fab/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.