Cuba: um ano sob a presidência de Raúl Castro

Raúl Castro completa nesta terça-feira seu primeiro ano como presidente formal de Cuba, durante o qual empreendeu uma intensa agenda internacional e tomou algumas medidas, mas as mudanças estruturais que anunciou ainda são esperadas.

AFP |

Seguem abaixo listados os fatos mais relevantes em Cuba desde que Raúl Castro assumiu efetivamente a presidência da ilha, interinamente exercida desde julho de 2006 com o afastamento de seu irmão, Fidel:

(2008)

FEVEREIRO:

24: Raúl Castro é empossado formalmente presidente e anuncia que acabará com proibições.

26: Recebe o "número dois" do Vaticano, Tarcisio Bertone.

28: Cuba assina dois pactos sobre direitos humanos.

MARÇO:

17: Liberada a venda de ferramentas para a lavoura, dando início a uma reforma agrária.

21-30: Liberada a venda de computadoras, aparelhos de DVD e fornos microondas, suspensa a proibição de hospedagem em hotéis, aluguel de carros e aquisição de telefones celulares.

ABRIL:

28: Raúl convoca o Congresso do Partido Comunista para 2009, reacomoda a cúpula do poder, comuta penas de morte e declara prioridade para produção de alimentos.

JUNHO:

11: Decreta a eliminação do igualitarismo e do teto salarial, estabelecendo o pagamento pelo rendimento para estimular a produção.

19: A União Europeia levanta as sanções impostas em 2003 contra a ilha.

JULHO:

8: Liberadas concessões para transporte privado, que estavam suspensas desde 1999.

11: Raúl Castro anuncia ajuste econômico.

18: Decreta a entrega de terras ociosas em usufruto.

AGOSTO:

30: O furacão Gustav, primeiro dos três furacões que cuasaram prejuízos de 10 bilhões de dólares a Cuba, passa pela ilha.

SETEMBRO:

7: O furacão Ike castiga a ilha.

OUTUBRO:

19-20: Visita do chanceler do Patriarcado de Moscou. Se reúne com Raúl e Fidel.

30-31: Visita do presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, que se encontra com Raúl e Fidel e assina acordos para a exploração de petróleo em águas cubanas.

NOVEMBRO:

9: O furacão Paloma atinge a ilha.

18: Visita do presidente chinês Hu Jintao, que se encontra com Raúl e Fidel.

26: Raúl anuncia disposição de falar com Barack Obama em "lugar neutro".

27-28: Visita do presidente russo, Dimitri Medvedev, que se encontra com Raúl e Fidel.

29: Raúl assiste à primeira beatificação em Cuba.

DEZEMBRO:

13: Raúl Castro vai à Venezuela, primeira viagem ao exterior como presidente.

16-17: Assiste à Cúpula Latino-Americana, que agrega Cuba ao Grupo do Rio e condena o "bloqueio" dos EUA.

28: Anuncia ajuste, eliminação de subsídios e gratuidades.

(2009)

JANEIRO:

1: 50º aniversário da revolução.

3: Visita do presidente do Panamá, Martín Torrijos.

8: Visita do presiente do Equador, Rafael Correa.

19-21: Visita da presidente da Argentina, Cristina Kirchner. Fidel a recebe e cala boatos sobre sua sáude.

28: Raúl inicia visita de uma semana à Rússia.

FEVEREIRO:

4-10: Raúl viaja a Angola e depois à Argélia.

11-13: Visita da presidente chilena, Michelle Bachelet, que se reúne com Raúl e Fidel.

16: Visita do presidente da Guatemala, Alvaro Colom.

21: Visita do presidente da Venezuela, Hugo Chávez.

Leia mais sobre Cuba

    Leia tudo sobre: cuba

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG