Cuba escolhe representantes do Governo local neste domingo

Havana, 24 abr (EFE).- Cuba realizará neste domingo eleições municipais entre chamadas à unidade para responder a campanha internacional contra a ilha, como define o presidente Raúl Castro, e marcadas também por críticas de dissidentes que veem este pleito como uma grande farsa.

EFE |

Mais de 8,4 milhões de cubanos foram convocados para escolher os cerca de 15 mil delegados (vereadores) das 169 Assembléias Municipais do Poder Popular (Governos locais). Esse tipo de votação é realizada a cada dois anos no país.

Se apresentam a esta votação 34.776 candidatos, escolhidos em mais de 50 mil assembléias realizadas em toda ilha, governada pelo Partido Comunista, o único permitido.

Além disso, 325.464 jovens maiores de 16 anos votarão amanhã pela primeira vez.

A Comissão Nacional Eleitoral estabeleceu a abertura das quase 30 mil mesas de votação para 7h local (8h, Brasília) e o fechamento às 18h (15h, Brasília).

Nos últimos dias, os chamados à unidade e à participação em massa ao pleito foram uma constante nos meios de comunicação da ilha (todos oficiais) como resposta à chamada "campanha midiática" internacional contra Cuba.

No dia 4 de abril, o presidente cubano, general Raúl Castro, afirmou que o país prefere "desaparecer" antes de aceitar a "chantagem" feita pelos Estados Unidos e pela Europa com "manipulações" sobre a vigência dos direitos humanos. EFE sam/pb

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG