Cuba deve libertar presos políticos imediatamente (Washington)

Os Estados Unidos pediram nesta quarta-feira que Cuba liberte imediatamente todos os prisioneiros políticos, em um comunicado divulgado em ocasião do sexto aniversário da prisão de 75 militantes cubanos.

AFP |

"Hoje se completa o sexto aniversário da prisão de 75 jornalistas, defensores dos Direitos Humanos, livreiros e outros membros da sociedade civil em toda a ilha", declarou um porta-voz do Departamento de Estado, Robert Wood, lendo esse comunicado durante uma entrevista coletiva à imprensa.

"Essas 75 pessoas foram condenadas a penas que vão de 14 a 30 anos de prisão por terem defendido reformas políticas, sociais e econômicas em Cuba de maneira não violenta", acrescentou o porta-voz.

"Pedimos ao governo cubano que os liberte imediatamente, assim como outros prisioneiros políticos detidos nas prisões cubanas, e que tome medidas para melhorar os Direitos Humanos em Cuba", concluiu.

Esse apelo foi feito uma semana depois de um abrandamento do embargo a Cuba votado pelo Senado americano, que retirou algumas restrições às viagens e à venda de medicamentos para a ilha. Este texto ainda deve ser promulgado por Barack Obama.

Quase um milhão de cubanos, a maior parte opositores do regime castrista, vivem nos Estados Unidos.

sl/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG