CSU, aliada de Merkel, sofre derrota histórica na Baviera

A CSU, aliada da CDU da chanceler conservadora alemã Angela Merkel, perdeu neste domingo nas eleições regionais na Baviera a maioria absoluta que tinha há 46 anos, segundo pesquisas de boca-de-urna.

AFP |

Segundo estas pesquisas, a União Social Cristã (CSU), aliada bávara da União Democrata Cristã (CDU) de Merkel, reuniu 43% dos votos, contra 60,7% em 2003.

A CSU obteve 87 cadeiras no parlamento regional deste rico estado da Alemanha, contra 124 em 2003, e terá que encontrar um parceiro para formar uma coalizão.

Este parceiro pode ser o Partido Liberal FDP, que voltaria desta forma ao parlamento bávaro depois de 14 anos de ausência. Segundo as pesquisas, o FDP obteve 8% dos votos, ou seja, 17 cadeiras.

"É o melhor resultado que já obtivemos na Baviera", comemorou Guido Westerwelle, presidente do FDP.

Ao contrário, os social-democratas do SPD, adversários tradicionais dos conservadores mas membros do governo federal de coalizão, não aproveitaram o recuo da CSU, obtendo 19% dos votos nas eleições deste domingo, contra 19,1% em 2003.

De acordo com as estimativas, o nível de participação se elevou a 57%.

fjb/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG