CS pede Governo de unidade a novo presidente somali

Nações Unidas, 3 fev (EFE).- O Conselho de Segurança (CS) da ONU pediu hoje ao novo presidente da Somália, o xeque Sharif Sheikh Ahmed, que forme o mais rápido possível um Governo de união nacional que permita avanços na solução política do conflito que consome o país africano.

EFE |

O presidente rotativo do CS, o embaixador japonês Yukio Takasu, condenou os ataques que continuam ocorrendo na Somália contra a população civil, as tropas da missão de paz da União Africana (Amisom) e os voluntários humanitários que ajudam as vítimas do conflito.

Os 15 membros do Conselho de Segurança celebram no texto a escolha de Sheikh Ahmed e elogiam o trabalho do novo Parlamento somali neste processo.

"Os membros do CS expressam um firme apoio ao processo de paz e a este importante passo dado para alcançar uma solução política", indica a declaração.

O CS também pede a Sheikh Ahmed que forme um Governo de união nacional o mais rápido possível, e a todos os somalis que apoiem as instituições federais enquanto avança o processo de pacificação. EFE jju/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG