Cruzeiro com 122 pessoas a bordo encalha na Antártida

BUENOS AIRES - Um barco turístico com 122 pessoas a bordo encalhou nesta quinta-feira na Antártida, o que acarretou uma ruptura em seu casco e levou a uma operação de resgate dos passageiros, informou a Marinha argentina.

Redação com Reuters |

Reuters
Foto de arquivo

Foto de arquivo mostra o Ushuaia navegando na península Antártida em março

O navio de bandeira panamenha Ushuaia, que tinha 89 turistas e 33 tripulantes a bordo, encalhou a 300 quilômetros da base argentina de Marambio, na península Antártica.

"O barco se encontra parado no lugar com uma pequena entrada de água e perdendo um pouco combustível", explicou o almirante Daniel Martín.

As autoridades navais argentinas já começaram os trabalhos de resgate e outro navio turístico que se encontrava na região, o Antarctic Dream, foi desviado para o local para receber os passageiros do Ushuaia.

Duas embarcações da Marinha chilena, "Lautaro" e "Aquiles", ajudarão no resgate. O navio não apresenta risco de naufrágio e, até agora, não há informações de qualquer civil ferido, anunciou a nota divulgada pela Marinha chilena, que também enviou dois helicópteros para apoiar os trabalhos.

Leia mais sobre navio encalhado

    Leia tudo sobre: navio encalhado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG