Genebra, 20 ago (EFE).- O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) recebeu sinal verde para entrar na Ossétia do Sul, região separatista que levou Geórgia e Rússia a se enfrentarem militarmente.

A confirmação sobre a autorização para a entrada do CICV foi feita pelo próprio presidente da organização, Jakob Kellenberger.

As autoridades da Ossétia do Sul deram sinal verde a uma missão do CICV composta por 17 enviados (dez locais e sete estrangeiros), que chegará hoje mesmo ao território para realizar uma avaliação das necessidades derivadas do crescente conflito armado.

Kelleberger fez o anúncio após retornar da Geórgia e da Rússia.

O dirigente esteve reunido em ambos os países com representantes governamentais de alto nível e visitou centros que acolhem deslocados por combates. EFE is/pq

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.