Cruz Vermelha diz à Colômbia onde Farc entregará novo refém

Bogotá, 3 fev (EFE).- O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) informou nesta terça-feira ao Governo colombiano onde deve receber o último dos seis reféns que as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) se dispuseram a libertar.

EFE |

O chefe da delegação do CICV na Colômbia, Christophe Beney, deu a informação ao ministro da Defesa, Juan Manuel Santos, e aos altos comandantes militares.

O anúncio representa o início formal da terceira missão humanitária prevista, dessa vezs para receber Sigifredo López, ex-deputado que foi incluído pelas Farc no grupo de seis sequestrados que seriam soltos.

As Farc entregarão o ex-deputado em algum lugar das selvas do litoral do oceano Pacífico, no sudoeste do país, segundo foi antecipado pela senadora Piedad Córdoba, escolhida pela guerrilha para receber os seis reféns.

"Reuni-me esta noite com o ministro da Defesa e com a cúpula militar para fazer o mesmo exercício que fizemos nas duas vezes anteriores, ou seja, notificar de maneira oficial a área onde não deverá haver nenhuma operação do Exército", declarou Beney na saída do encontro em Bogotá.

O delegado do CICV lembrou que essas restrições se inserem também sobre "sobrevoos a qualquer altura na região onde a operação" acontecerá.

O CICV atua como coordenador dessas missões, que contam com o apoio logístico do Governo brasileiro, que cedeu dois helicópteros militares para as operações. EFE jgh/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG