Cruz Vermelha anuncia para quinta nova soltura de refém das Farc

Villavicencio (Colômbia), 3 fev (EFE).- O porta-voz do Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) na Colômbia, Yves Heller, confirmou hoje que, após a bem-sucedida libertação do ex-governador Alan Jara, acontecerá na quinta-feira a entrega do ex-deputado Sigifredo López, o último político em poder das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

EFE |

De acordo com o mais recente compromisso da guerrilha colombiana, apenas López falta ser libertado.

"Vamos seguir para a próxima libertação. Saímos amanhã se as condições meteorológicas permitirem (...). A libertação está prevista para na quinta-feira", disse Heller aos jornalistas no aeroporto de Villavicencio, onde hoje chegou o helicóptero brasileiro usado no resgate de Jara.

Sobre a operação desta terça, o porta-voz da Cruz Vermelha disse que foi "rápida" e transcorreu segundo o previsto.

"Não houve nenhum contratempo. Estamos muito felizes pela família e por Alan Jara também. Tudo foi muito bem, muito positivo. Vamos continuar trabalhando", acrescentou.

Heller esclareceu que a entrega de Sigifredo López, único sobrevivente de um grupo de legisladores de Valle del Cauca sequestrados em 2002, será feita aos "mesmos representantes" do órgão que participaram dos últimos dois resgates.

Da missão de hoje, participaram quatro representantes da Cruz Vermelha, a senadora Piedad Córdoba, que atuou como interlocutora das Farc durante as negociações, e um grupo de pilotos do Brasil, país que emprestou os helicópteros usados na operação. EFE erm/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG