Cristina e Chávez assinam acordos bilaterais

Buenos Aires, 15 mai (EFE).- Os presidentes da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, e da Venezuela, Hugo Chávez, assinaram hoje uma série de acordos bilaterais em diversas áreas.

EFE |

Em um ato realizado na Casa Rosada, sede do Executivo argentino, Chávez destacou a capacidade de Argentina e Venezuela de adotar "um projeto alternativo ao neoliberal", e disse que os dois países estão "um passo à frente no caos do mundo de hoje".

"Não se sabe aonde vai chegar a crise. Há razões para duvidar que o Fundo Monetário Internacional (FMI) vá oferecer ao mundo a solução dos problemas que eles criaram", disse Chávez, depois de se reunir a portas fechadas com Cristina por mais de uma hora.

Os dois governantes criaram também uma comissão bilateral "de alto nível", com a participação de ministros de Governo, que revisará e dará continuidade aos quase 100 convênios vigentes entre Argentina e Venezuela.

Dos acordos assinados hoje, há um entre os ministérios de Agricultura para a cooperação técnica em pesquisa vinícola e outro de colaboração entre as pastas em matéria de ciência e tecnologia.

Também foi assinado um convênio de cooperação acadêmica em educação superior e um destinado a estabelecer o local de construção de uma usina na Argentina de gás natural liquidificado que será usado em navios da Venezuela.

A reunião de Cristina e Chávez em Buenos Aires é a segunda bilateral desde janeiro, quando em Caracas fixaram encontros trimestrais para fortalecer a integração, um mecanismo que o venezuelano qualificou de "positivo" e "necessário". EFE nk/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG