Crise leva Cuba a adiar congresso do Partido Comunista

O presidente de Cuba, Raúl Castro, decidiu adiar a realização do 6º Congresso do Partido Comunista do país devido aos efeitos da crise econômica sobre a ilha, informou a imprensa estatal cubana nesta sexta-feira. O evento, inicialmente previsto para o final do ano, seria o primeiro congresso do partido em 12 anos e deveria definir os rumos políticos, econômicos e sociais de Cuba, incluindo a eleição dos líderes do partido.

BBC Brasil |

Segundo o correspondente da BBC em Havana Michael Voss, o adiamento, anunciado após uma reunião fechada do Comitê Central do Partido, ocorre em meio a medidas do governo para combater a crise econômica.

De acordo com o jornal oficial Granma, o presidente Raúl Castro disse que a atual situação econômica é "muito grave" e que o congresso somente será realizado quando essa fase crucial para o país for superada.

A economia cubana foi duramente afetada pela crise mundial, o que forçou o governo a adotar uma série de medidas austeras.

Nesta semana, foi divulgada previsão de crescimento de 1,7% em 2009. Há um ano atrás, a previsão era de crescimento de 6%.

Raúl Castro pediu compreensão à população cubana e afirmou que é muito importante "que cada cidadão compreenda que são medidas difíceis, nem um pouco agradáveis, mas inadiáveis".

Revolução
Conforme o jornal, o presidente afirmou ainda que será feita uma consulta prévia para que a população possa expressar seus pontos de vista antes da realização do próximo Congresso.

O novo encontro deverá definir o futuro do país em uma era em que a geração que comandou a revolução cubana não estará mais no poder.

"Esse pode ser o último congresso comandado pelas históricas lideranças da revolução", disse Raúl Castro, segundo o Granma
Fidel Castro, o líder da revolução cubana, completa 83 anos neste mês. Ele deixou o comando de Cuba em 2006 devido a problemas de saúde, mas permanece à frente do Partido Comunista.

Seu irmão Raúl, que o substituiu na Presidência, tem 78 anos.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG