México, 16 dez (EFE).- Uma criança de 10 anos morreu hoje na cidade de Cuernavaca, no centro do México, quando seu animal de estimação, um cachorro mastim napolitano cruzado com pitbull, o atacou ao confundi-lo com um estranho, informou hoje a Polícia municipal.

A criança, Diego Ugalde, tentou entrar em casa pelos fundos, porque tinha esquecido as chaves, quando Sultão, um cachorro negro de 1,10 metro de comprimento, se lançou contra ele, disseram à Agência Efe fontes da Secretaria de Segurança Pública de Cuernavaca.

A Procuradoria Geral de Justiça do Estado (PGJE) de Morelos, onde fica Cuernavaca, determinou que a morte da criança foi devido a uma "mordida canina na veia jugular externa".

A mãe da criança, Rosenda Ugalde, achou o corpo inerte de seu filho no pátio e pediu auxílio às autoridades, embora ele já estivesse morto.

Agentes da Polícia municipal mataram o animal a tiros "porque ele estava muito bravo", segundo testemunhas. EFE jd/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.