Criador da Web foi vítima de fraude na internet

O físico britânico Tim Berners-Lee, que idealizou a World Wide Web (WWW) há 20 anos, disse que foi vítima de fraude na internet. Em entrevista ao jornal britânico The Sunday Telegraph , Berners-Lee afirmou que comprou um presente de Natal em uma loja online falsa e ele só descobriu que tinha sido enganado quando o artigo não foi entregue pelo correio.

BBC Brasil |

"Na hora em que eu telefonei para o número 0800 colocado no website, havia uma mensagem muito educada dizendo que este número está disponível para quem quiser usá-lo, então um pouco mais de empenho da minha parte teria revelado que (a loja online) não era o que parecia", afirmou. "Acho que ainda vou recuperar o dinheiro, mas não era muito."

Berners-Lee pediu às autoridades que dediquem ao combate de crimes cibernéticos os mesmos esforços empregados no caso de crimes convencionais. O físico britânico quer que se ajude a impedir que criminosos que atuam na internet evitem processo judicial escondendo-se em países fora da jurisdição onde suas vítimas vivem.

"Existem muitas coisas positivas na web, mas também há coisas ruins. Você pode descobrir a cura de doenças, mas também pode descobrir como construir bombas."

"Às vezes precisamos de novas leis, mas em outros casos nós precisamos perceber que leis antigas ainda podem ser aplicadas à web."
"Nós precisamos lidar com questões de implementação, pois leis sobre fraude, por exemplo, já existem, mas é difícil encontrar e deter as pessoas responsáveis (pelos crimes)", concluiu o físico na entrevista ao jornal britânico.

Leia mais sobre: internet

    Leia tudo sobre: internet

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG