Criado primeiro Partido Comunista de Taiwan

Taipé, 12 ago (EFE) - Refúgio dos nacionalistas chineses após a tomada do poder na China pelos comunistas, em 1949, Taiwan - que sempre foi conhecida por sua postura anticomunista - assistiu hoje à inscrição do Partido Comunista de Taiwan (PCT).

EFE |

"A inscrição do PCT como o 141º partido político do país foi aprovada", destacou o Ministério do Interior taiuanês em comunicado de imprensa.

O ministério taiuanês aprovou a inscrição do Partido Comunista após a revogação, em junho deste ano, de uma lei que proibia as organizações civis que defendiam o comunismo.

O Ministério do Interior havia rejeitado em várias ocasiões a inscrição de partidos comunistas na ilha, de acordo com o artigo da Ata de Organizações Civis que estipulava que "as organizações ou atividades de grupos cívicos não podem defender o comunismo nem o separatismo territorial".

Em 20 de junho, o Tribunal Constitucional declarou que o artigo violava os direitos populares de liberdade de reunião e de expressão, protegidos pela Constituição, e exigiu que este fosse revogado.

O Ministério do Interior, após aceitar a inscrição do PCT, disse que dissolverá o Partido Comunista caso este realize atividades que ponham em risco a existência de Taiwan ou de sua democracia.

Taiwan e China estão separadas desde que, em 1949, o Governo Nacionalista Chinês se refugiou na ilha, após ser derrotado em uma guerra civil com os comunistas. EFE flp/fh/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG